A Associação Portuguesa de Reiki premeia a investigação académica desde 2012
A Associação Portuguesa de Reiki premeia a investigação académica desde 2012

A Associação Portuguesa de Reiki premeia a investigação académica desde 2012

A investigação académica, comprovando os benefícios da prática de Reiki na aplicação a pessoas e animais, nas mais diversas condições, é algo presente na comunidade científica desde a década de 90. A Associação Portuguesa de Reiki, fundada em 2008, criou o Prémio Hayashi de Investigação Reiki a 30 de Junho de 2012, pela ocasião do Fórum Reiki e Empreendedorismo, sendo atribuido a Mónica Policarpo pelo seu trabalho “As Medicinas Alternativas e Complementares no Serviço Nacional de Saúde” foi o tema da sua dissertação no ISCTE-IUL (Instituto Superior de Ciências do Trabalho e da Empresa-Instituto Universitário de Lisboa), tendo incluído o Reiki como terapia complementar.

Este ano, no XIV Congresso Nacional de Reiki, a 2 de Julho, será entregue o Prémio Hayashi de Investigação Reiki a Gertrudes Coelho pelo seu trabalho “Protocolo experimental: O impacto do Reiki na ansiedade em adolescentes”.

Sobre o Mestre e Médico Chujiro Hayashi

Chujiro Hayashi (林 忠次郎 Hayashi Chūjirō, 15 Setembro 1880 – 11 Maio 1940), foi um Médico graduado na Academia Naval Japonesa em 1902. Em 1918 alcançou o cargo de Director da Defesa do Porto de Ominato, no Norte do Japão. Iniciou os seus estudos e prática de Reiki em 1925, em Nakano, com o Mestre Mikao Usui.

Sabe-se que a partir de 1930 o sistema de Hayashi acabou por desenvolver um conjunto de técnicas e posições relativas para cada sintomatologia, criando uma ponte entre o Reiki o seu saber Médico. Ao seu sistema deu o nome de Hayashi Reiki Ryoho Kenkyukai (Associação Hayashi de Pesquisa e Tratamento Reiki). O seu trabalho foi continuado pela Mestre Takata e por Chiyoko Yamaguchi.