Saturday, October 31, 2020

Contratar um terapeuta de Reiki

Contratar um terapeuta de Reiki
Com a integração cada vez maior de terapeutas de Reiki em clínicas, SPAs e outros estabelecimentos de saúde e bem-estar, aumenta também o grau de exigência, a necessidade de compreender o âmbito de trabalho e competência de um terapeuta de Reiki.

Surgem-nos, frequentemente, empresas com questões relevantes:

  • Como poderei avaliar o conhecimento do terapeuta de Reiki?
  • Como sei que tem os cursos que diz que tem?
  • Quais os graus académicos ou forma de ensino no Reiki?
  • Onde está o âmbito do seu trabalho?
  • Realmente o que é o Reiki, enquanto terapia? Pode ser misturado com outras práticas?
  • Qual o CAE que o terapeuta deve ter?
  • Há alguma regulamentação?
  • Há alguma fiscalização?
  • Que tipo de necessidades de equipamento há para decorrer uma sessão de Reiki?
  • Enquanto espaço, que valor, ou percentagem, devo dar ao terapeuta?

O nosso dever, enquanto Associação, é apoiar ao esclarecimento sobre as questões, assim como auxiliar os terapeutas de Reiki a apresentar, da melhor forma possível, o seu curriculo e demonstrar a sua competência. Nestas respostas, temos alguns conselhos que podem ser úteis para os terapeutas.

Como poderei avaliar o conhecimento do terapeuta de Reiki?

O ideal será combinar com ele uma sessão de Reiki onde todos os seus procedimentos/protocolos sejam realizados, como se fosse uma consulta feita a qualquer cliente. Desta forma pode estar dentro do processo, da forma de agir e estar do Terapeuta, além de usufruir de uma sessão de Reiki.

Aconselhamos a que leia, também, o seguinte guia – “Como procurar numa sessão de Reiki”.

Como sei que tem os cursos que diz ter?

Não existe uma normalização e validação ao nível nacional dos cursos mas, em caso de dúvida pode pedir o contacto do Mestre que o formou para que possa pedir uma opinião. No entanto deve ter também em conta a experiência na sessão de Reiki que realize com o terapeuta.

Quais os graus académicos ou forma de ensino no Reiki?

Para se praticar Reiki não há qualquer requisito de escolaridade, é um ensino, formação livre. A formação está dividida em três níveis distinto, indicados por número – nível 1, nível 2, nível 3. Em alguns sistemas de ensino pode haver uma distinção de nível 3A e nível 3B, indicando que o último transmite o conhecimento ao praticante para ensinar outros.

Onde está o âmbito do seu trabalho?

O Reiki é uma terapia holística, trabalha em todos os campos da pessoa – físico, mental, emocional e energético. O terapeuta pode aplicar contacto suave com a pessoa, indicando em que pontos irá tocar (ou colocar as mãos a uma ligeira distância), ao longo do seu corpo, exceptuando as zonas privadas, partes sensíveis ou com ferida ou todas aquelas que o cliente não queira. O cliente não se deve despir, eventualmente apenas tirar óculos, cinto ou algum brinco/colar que possa ser incomodativo para ele por estar deitado.
O objectivo do seu trabalho é auxiliar a pessoa a ficar equilibrada em todos esses campos, aumentando a sua capacidade auto-curativa e promovendo o seu bem-estar.

Realmente o que é o Reiki, enquanto terapia? Pode ser misturado com outras práticas?

Como indicamos no ponto anterior, o Reiki é uma terapia holística, vê o homem como um todo, é complementar e não exclusiva, trabalha em conjunto com outras terapias e medicinas.
Há terapeutas que gostam de adicionar uma outra área, que é a cristaloterapia nas suas sessões. O uso de cristais é complementar ao Reiki, não é uma necessidade obrigatória, é uma opção. Como tal o cliente e o espaço devem ser avisados que à prática de Reiki são inseridas outras práticas.
Há que ter em atenção que o Reiki não implica conceitos religiosos ou espirituais, tais são pertencentes ao campo individual da pessoa e essa sim, os expressará conforme o seu estar na vida.
Sendo uma terapia complementar, o terapeuta não pode desaconselhar, ou mandar parar, a toma de medicação ou o usufruto de outras terapias.

Qual o CAE que o terapeuta deve ter?

Segundo o pedido de esclarecimento feito ao INE as actividades de consultas terapêuticas de Reiki (por pessoas individualmente ou por empresa) enquadram-se na Subclasse CAE-Rev.3 – 86906 – Outras actividades de saúde humana, n.e.

Há alguma regulamentação?

Ainda não existe regulamentação aplicada às terapias holísticas como o Reiki. No entanto, o Terapeuta pode reger-se pelo Código Deontológico do Terapeuta Complementar de Reiki e pela Norma Portuguesa da Prática da Terapia Complementar Reiki (NPTCR-01).

Há alguma fiscalização?

Não existe pois não está regulamentado. Em caso de queixa é sempre um processo judicial que é acionado.

Que tipo de necessidades de equipamento há para decorrer uma sessão de Reiki?

Para o seu consultório, é conveniente haver:

  • Marquesa, rolos de papel para a cobrir;
  • Almofada para cabeça e para debaixo dos joelhos;
  • Pode haver necessidade de um pequeno banquinho para o caso de pessoas com dificuldade em subir para a marquesa
  • Secretária e cadeiras, para que possa tomar os seus registos e receber os clientes;
  • Espaço para colocar um leitor de música, caso sinta essa necessidade de colocar um som ambiente;
  • Espaço para o cliente colocar as suas coisas;

Paralelamente, o acesso a casa de banho e espaço para arrumar as suas coisas pessoais como casaco, mala, etc…

Enquanto espaço, que valor, ou percentagem, devo dar ao terapeuta?

Na prática de Reiki temos também uma filosofia de vida que nos apela ao “trabalho honestamente”, citando um dos nossos princípios de Reiki. Assim, encontrando paralelo entre vários espaços contactados, há espaços que ficam com 25%, outros que ficam com 30%. O que pedimos é que o espaço tenha também em atenção a subsistência do terapeuta pois é seu o esforço e dedicação nas horas de trabalho. O que é pago não é a Energia Reiki mas sim o tempo, saber e dedicação do Terapeuta. Tudo deve ser acordado e esclarecido.
Há espaços que passam o recibo total ao cliente e o terapeuta é que passa o recibo ao espaço. Entre os dois devem encontrar a melhor resolução, sendo positiva e equilibrada entre ambos.

Material de apoio a espaços e terapeutas

Podem encontrar no site da Associação Portuguesa de Reiki, os seguintes materiais:

Os terapeutas associados podem ainda pedir instrumentos de trabalho como:

  • Ficha de Paciente
  • Nota de Esclarecimento / Termo de Responsabilidade

Podem ler mais sobre o que é Reiki aqui…

 


 

associacao_portuguesa_reiki_redondo_120 Descobre os conteúdos exclusivos para os associados no nosso site www.associacaoportuguesadereiki.com

 

(Visited 3.377 times, 1 visits today)