Monday, October 26, 2020

Reiki na relação

post-reiki-na-relacao

Reiki é para nós, para os outros e até para os animais mas, Reiki pode ser também para a relação, para o casal, para a amizade.

Desde 1922 que o Reiki existe como prática originária do Japão. Não só como terapia, no auto-cuidado e no cuidar dos outros mas também como uma base de filosofia de vida. Esta filosofia de vida, acenta sobre cinco simples princípios, comuns em todas as sociedades e boas ideologias.

Numa tradução literal, estes princípios dizem-nos que “Só por hoje”, “sou calmo“, “confio“, “sou grato“, “trabalho honestamente” e “sou bondoso“. Como podemos aplicar estes princípios, na vivência de uma relação, que seja como casal ou até num relacionamento social entre colegas, família e amigos?

Reiki na relação – a prática dos princípios

O Reiki é, em primeiro lugar, para nós. A prática dos cinco princípios deve ser, primeiro, feita por nós. Tudo começa em nós e só estando equilibrados é que chegamos ao outro para construirmos o Eu + Tu = Nós. Não é de um dia para o outro que tal se atinge, é um percurso ao longo do tempo, é uma prática regular que nos leva à mudança. Vamos ver, princípio por princípio, como o fazer.

Sou calmo

Cada vez mais a nossa vida é feita de ritmos exaustivos, de chamadas de atenção, de afazeres que nos tiram todo o tempo e mais algum – um dia já não pode ser feito de 24 horas. Quando praticamos o auto-tratamento e os cinco princípios de Reiki, encontramos tempo e espaço para perceber o que é essencial, para o que deve ser feito e para o que é apenas uma distração. A calma, ser calmo, encontrar a serenidade no centro dos desafios é ajudar a crescer uma relação em assertividade e respeito mútuo.

Confio

A confiança, o respeito por nós próprios e pelo outro é um dos pilares de qualquer relação. Confiar e fazer por ser confiável, é uma sequência da calma que vivemos. Se estivermos sempre desconfiados, preocupados, em sobressalto, não conseguimos usufruir e ver claramente a forma como vivemos e como estamos com os outros. A confiança é um livro que se vai escrevendo ao longo da vida. Fazendo esta semente crescer no Jardim do nosso Coração, estamos a caminhar em direção à felicidade.

Sou Grato

A gratidão é um dos maiores princípios para vivermos em felicidade. Não apenas sermos gratos pelas coisas boas mas também pelos desafios que surgem. Estes desafios levam-nos a sermos melhores, a modificar comportamento, usufruindo cada vez mais do nosso dia-a-dia. A gratidão pela relação que se tem, por partilhar a vida e o momento do caminho com alguém, dizê-lo, expressá-lo nas pequenas coisas do dia-a-dia, faz crescer um tesouro cada vez maior e mais sólido.

Trabalho Honestamente

A honestidade não é aplicada unicamente ao trabalho que produzimos, resultante de um emprego. Este trabalho honestamente também se refere ao trabalho interior, aquele que deve ser feito para a construção de um Eu mais assertivo, humano e consciente. Saber como somos, em relação a nós próprios e em relação ao outro, leva-nos a viver sem as barreiras constrangedoras de “obrigações” que em nada nos farão bem, ou farão bem ao próximo. A honestidade, aplicada com calma e confiança, demonstrando gratidão, ajuda-nos a caminhar solidamente de mão dada, não só com o outro mas também com a humanidade.

Sou bondoso

A bondade começa por nós próprios. Para estar bem com o outro, tenho que estar bem comigo. Se não consigo fazer Reiki a mim, se não consigo cuidar de mim, como consigo cuidar do outro, de forma equilibrada?

Comecemos connosco, sendo bondosos, escutando-nos, cumprindo o que necessitamos. Assim, temos um coração aberto e predisposto, preenchido de verdadeiro amor incondicional, que nos permite estar, criar e recriar uma relação. “Só por hoje, sou bondoso”, é um princípio de paz interior, com reflexos para o outro, para o mundo.

Por vezes diz-se que devíamos nascer com um manual de instruções – grande verdade. Crescemos muito tecnologicamente e no acesso à informação mas, o mesmo nos leva a regredir no estar na relação, no cuidar de nós e dos outros. O Reiki não é uma pílula milagrosa, não é a solução para todas as questões mas, a sua prática permite-nos crescer, equilibrados e capazes da prática de amor incondicional – dar sem esperar receber. O Reiki na relação permite uma construção aberta, consciente e honesta do caminho que cada um trilha em conjunto com o outro. Como dizia Vasco Pinto Magalhães “Não há soluções, há caminhos”.

Os cinco princípios de Reiki – os Gokai

A prática de Reiki segue um conjunto de princípios, instituidos pelo Mestre Mikao Usui. Como dizia, praticando estes princípios de manhã e à noite, atingiremos o Satori – a iluminação.

gokai

今日たけは –Kyo dake wa – Só por Hoje,
怒るな –Ikaruna – Sou Calmo,
 心配すな – Shinpaisuna – Confio,
感謝して – Kanshashite – Sou Grato,
業をはけめ – Gyo wo hageme – Trabalho Honestamente,
人に親切に – Hito ni shinsetsu ni – Sou Bondoso.
[box type=”info”] [/box]

 

 


 

associacao_portuguesa_reiki_redondo_120 Descobre os conteúdos exclusivos para os associados no nosso site www.associacaoportuguesadereiki.com

 

(Visited 5.269 times, 1 visits today)