reiki-mudou-a-minha-vida

Nesta partilha, Cláudia Faria conta-nos como o Reiki a encontrou num jantar de aniversário e, a partir daí, a ajudou a sair da fase conturbada e de desamor que vivia. Hoje sente-se mais tranquila e grata por poder ser um canal condutor desta energia para a filha.

 

“O Reiki veio a mim de mansinho mudando convicções, posturas, sentires. Despertei para uma nova vida, uma nova era, uma nova dimensão de mim mesma que até aí desconhecia.

Numa fase conturbada de incerteza, desamor, pouca fé em mim e nos outros, isolei-me do mundo de uma forma atroz e a alienação que no início me trouxe um enorme conforto tornou-se insuportável. Ainda que na altura não estivesse consciente para tal, comecei a ler artigos e livros sobre meditação e tentava aplicar… muitas vezes sem sucesso.

O Reiki encontrou-me numa noite de Maio ao jantar. É verdade, numa comemoração de aniversário sou abraçada por um amigo que não via fazia muito tempo e que me disse: “O nosso encontro hoje não é ao acaso, sabes isso? O mestre e o pupilo encontram-se quando estão preparados”.

Confesso que no início torci o nariz a tal comentário, mas com o desenrolar do jantar, e sem dar conta, fomos trocando palavras e acabei a noite a partilhar muitas das dores que sentia cá dentro. Dissemos adeus nesse dia com a certeza que nos iríamos reencontrar em breve.

Ainda que rodeada de energias negativas externas e internas comecei a ler artigos sobre o tema, tomei a decisão de me permitir ir e decidi que estava na hora de ver o que era o Reiki. Passaram apenas duas semanas até ao dia da iniciação e a sensação de renascimento que senti foi inexplicável. Desde a iniciação até ao 2.º nível também passou pouco tempo e, cada dia que passa, me sinto grata pela oportunidade que me foi dada. O Reiki não é imaginação é um dom!

Hoje em dia sou uma pessoa mais paciente e encaro cada momento adverso com uma tranquilidade que até a mim surpreende. Tento superar os meus limites todos os dias tomando consciência que tudo acontece por um motivo, tudo acontece para melhorarmos, para aprender algo novo. Vou passando a palavra intuitivamente, através de conversas, através de sessões que faço a familiares e amigos e tenho tido experiências muito gratificantes. Mas a que destaco é a experiência de fazer Reiki à minha filha de 9 anos, quando ela me diz: “Mãe, podes fazer-me Reiki no corpo todo?” Ou então, como ainda hoje aconteceu: “Mãe podes pedir aos teus guias para estarem comigo hoje durante a prova de português para eu ter calma?” Saber que para além de mãe sou um elo condutor, um canal de energia para a minha filha é uma oportunidade que considero Única!

A todos os que estejam aí Só Por Hoje pensem nisso, desafiem-se enquanto pessoas e vivam ao máximo cada momento.”

Cláudia Faria

 

A publicação deste testemunho surge na sequência de um desafio que a Associação Portuguesa de Reiki lançou, tendo pedido a todos os interessados que partilhem os seus testemunhos de como o Reiki mudou as suas vidas.

Escrevam e enviem-nos a vossa experiência, para editorial@montekurama.org , relatando de que forma o Reiki introduziu mudanças decisivas nos vossos caminhos ou vos permitiu ajudar alguém nesse sentido. Iremos publicando os vossos testemunhos com o intuito de divulgar os benefícios desta terapia complementar e filosofia de vida. Obrigada pela vossa colaboração!

 


 

associacao_portuguesa_reiki_redondo_120 Descobre os conteúdos exclusivos para os associados no nosso site www.associacaoportuguesadereiki.com

 

(Visited 543 times, 1 visits today)