Cada vez mais são os praticantes de Reiki, em todos os sectores da vida profissional, na proximidade dos amigos e da família. Sendo Reiki muito mais do que apenas tratar e cuidar mas, principalmente, uma filosofia de vida para a mudança da nossa consciência, podemos, devemos usar e aplicar a nossa aprendizagem nas relações e na cooperação do trabalho.

Como trabalhar com os outros, em Reiki, seguindo os cinco princípios

A sabedoria do Mestre Usui revelou-se também na partilha dos preceitos que representam a «Arte Secreta de Convidar a Felicidade». Ele dizia, que de manhã e à noite, com as mãos em gassho, devíamos recitar estes princípios – Só por hoje, sou calmo; Confio; Sou grato; Trabalho honestamente; Sou bondoso.

Os cinco princípios de Reiki
Os cinco princípios de Reiki

Sabemos que por praticarmos Reiki não nos tornamos seres elevados ou super heróis, como se tomássemos uma pílula milagrosa que nos muda, automaticamente, de um momento para o outro. Tudo leva tempo e é por isso que o primeiro dos princípios nos fala do tempo que tudo necessita – Ser Calmo. Assim, vamos reflectir nos princípios para a cooperação, com umas simples perguntas:

Só por hoje

Que motivação te leva a fazer um trabalho e como reages por ter que o fazer com outra pessoa? Só por hoje, ajuda-nos a reflectir sobre as nossas intenções que se reflectem em algo para o futuro.

Sou calmo

Consegues escutar o que a outra pessoa tem para te dizer, reflectindo sobre o isso? A calma pode ajudar-te a compreender aquelas pequenas falhas de comunicação que são tão comuns.

Confio

Tens confiança em ti mesmo? A confiança nas nossas capacidades ajuda-nos a aceitar os outros no nosso trabalho, compreendendo o valor que também eles têm e no resultado final que pode ser alcançado com a cooperação e confiança.

Sou grato

Agradeces as oportunidades de trabalhar e interagir? A gratidão ajuda-nos a compreender as limitações que temos. Se não tivéssemos estas situações, então como poderíamos crescer?

Trabalho honestamente

Sentes verdadeiramente os princípios e o Reiki quando estás em conflito com alguém e não consegues cooperar? Compreender as nossas limitações é muito positivo. Não temos que estar sempre bem, nem ter sempre as melhores reacções mas, sendo praticantes de Reiki temos as melhores das ferramentas para trabalhar a nossa elevação da consciência – os cinco princípios de Reiki.

Sou bondoso

Perante as atitudes e todo o desenrolar do trabalho, será que foi praticada bondade? Quando trabalhamos com bondade, compreendemos o Bem necessário para todos, não apenas para nós. Avalia sempre o trabalho e tudo que se passa à luz do bem que possa trazer para todos.

Em primeiro lugar temos que curar nosso espírito. Em segundo lugar, temos de manter o nosso corpo saudável. - Mikao Usui
«Em primeiro lugar temos que curar o nosso espírito. Em segundo lugar, temos de manter o nosso corpo saudável.» – Mikao Usui

Os cinco princípios são pilares para o nosso crescimento. Não podemos ser praticantes de Reiki apenas pela energia, essa não serve de nada se não mudarmos a nossa consciência, comportamento, perante os outros e nós mesmos. Observa como o Mestre Usui indicava que «primeiro temos que curar o nosso espírito». Grandes palavras de sabedoria. O caminho é difícil, exige trabalho contínuo mas, sem dúvida que é para a nossa felicidade e para a felicidade dos outros, promovendo uma paz duradoura.

 


 

associacao_portuguesa_reiki_redondo_120 Descobre os conteúdos exclusivos para os associados no nosso site www.associacaoportuguesadereiki.com

 

(Visited 868 times, 1 visits today)