Semanalmente partilharemos textos que nos ajudem a fazer caminho juntos, com a prática dos 5 Princípios da Filosofia Reiki.
Só por hoje

Sou calmo
Confio
Sou grato
Trabalho honestamente
Sou bondoso

As borboletas e a vela

É Fariduddin Attâr, autor persa de Mantic Ittair ( A Fala ou A Conferência das Aves), que nos conta esta magnifica parábola nocturna: Uma noite as borboletas reuniram-se, atormentadas pelo desejo de se unirem à vela. Uma primeira borboleta foi até ao castelo distante e viu no interior a luz de uma vela. Voltou, contou precisamente o que tinha visto. Mas a sábia borboleta que presidia à reunião disse que aquilo não lhes adiantava nada.
Uma segunda borboleta penetrou no castelo e foi mais perto da vela. Voou em seu redor, tocou até a chama com as suas asas e a vela ganhou. Voltou, com as asas queimadas, e contou a sua viagem.
Mas a borboleta sábia disse-lhe:
– A tua explicação também não é exacta…    
Então levantou-se uma terceira borboleta, ébria de amor. Penetrou no castelo, pousou no rebordo de um castiçal, depois ergueu-se nas patas traseiras e atirou-se violentamente sobre a chama. Os seus membros ficaram vermelhos como o fogo. Identificou-se com a chama.      Então a borboleta sábia – que tinha estado a ver ao longe – disse às outras:      – Aprendeu o que queria saber. Mas só ela o compreendeu, e é tudo  

de: Jean-Claude Carrière, Tertúlia de Mentirosos, Contos Filosóficos do Mundo Inteiro, Editorial Teorema

 


 

associacao_portuguesa_reiki_redondo_120 Descobre os conteúdos exclusivos para os associados no nosso site www.associacaoportuguesadereiki.com

 

(Visited 33 times, 1 visits today)