Publicado em

Cartas compassivas – Esperança e compaixão no combate à solidão

Andreia Pedro, membro dos Órgãos Sociais da Associação Portuguesa de Reiki, criou, está a desenvolver o projeto Cartas Compassivas e explica-nos um pouco este projeto e o seu âmbito.

No âmbito do Projeto Amadora Compassiva, que pretende contribuir para a construção de uma cidade mais humana, presente e amiga no município da Amadora, foi concebido pela Associação Portuguesa de Reiki, uma das entidades parceiras, um novo projeto intitulado de “Cartas Compassivas“, que terá inicio a 15 de Agosto – Dia Internacional do Reiki – e se prolongará até ao final do ano.

Este projeto pretende quebrar o isolamento social das pessoas idosas e consiste na correspondência regular entre as pessoas idosas, sobretudo as que estão ou se sentem mais sós, e os voluntários das entidades que fazem parte do Projeto Amadora Compassiva. As cartas estarão repletas de mensagens positivas, motivacionais e de conforto, levando esperança e compaixão a quem se sente mais só.

O projeto “Cartas Compassivas” foi divulgado pela Câmara Municipal da Amadora a todas as IPSS do município e já contamos com a inscrição de várias pessoas.

Estamos a criar a nossa bolsa de voluntários da Associação Portuguesa de Reiki, pelo que se tiveres interesse em fazer parte da mesma deves enviar um email para info@montekurama.org.

Estamos muito felizes por o projeto ter início no dia em que celebramos o aniversário do mestre Usui e o Dia Internacional do Reiki e por podermos contribuir para a construção de um país mais compassivo.

SÓ POR HOJE, somos gratos.

Andreia Pedro