” há tanto que se pode fazer agora, e fazemos tanto nesta altura em que temos de estar mais tempo em casa; algo que não imaginamos que faríamos tão cedo. Hoje dei comigo a ver fotografias de outros tempos, algumas bem antigas que já nem me lembrava que um dia foram uma realidade nos meus dias. Recordar é viver, e viver nos dias de hoje pode ser a olhar para dias felizes que vivemos outrora. Sigamos em frente com os nossos dias, ainda que em casa, o mais ocupados possível. Que as fotografias de hoje sejam orgulho de amanhã de altura em que tivemos mais coragem e esperança”

Paulo Pinto
Março 2020